quarta-feira, novembro 18, 2009

I feel sLOVEvenia (parte II)

A viagem de ida foi de aproximadamente 13 horas e quarenta minutos, isso sem contar o tempo de espera entre um trem e outro (pouco mais de 2 horas e meia). Como era de previsto, no dia anterior a viagem nós saímos e voltamos pra casa tarde. Fui pra cama perto das 03:00 am e acordei as 06:15 com aquela sensação de ter uma tonelada de areia nos olhos.

Decidimos acordar cedo pois havia suspeita de greve dos trens regionais na França (é o esporte nacional deles). Além disso, "o seguro morreu de velho" e era eu quem iria pegar o trem, então fiz um plano "B" para chegar até Nice. Caso os trens estivessem em greve ainda daria tempo de pegar um ônibus sem me estressar. Chegamos na estação cedo e tudo estava normal. No final das contas ficamos praticamente 2 h em Nice esperando pelo trem que nos levaria a Milão.

Na hora marcada o trem chegou. A nossa cabine era a ultima do ultimo vagão, o que significa q tivemos q andar um monte pra achar o lugar. Depois de alguns minutos um senhor e uma senhora (italianos) entraram na cabine (que tem lugar pra 6 pessoas). Com eles aconteceu de tudo um pouco. Ja' no começo eles meio que discutiram pq uma das malas estava quebrada e a "tia" estava tentando arruma-la com fita durex. Obviamente que isso não funcionou. Ja' o "tio" foi um caso a parte. Imagine um check-list de coisas a fazer (ou não fazer) no trem, imaginou? pois, ele marcou um "x" em todos os itens desse check-list.

Item 1 - cigarro = OK. Eu não tenho nada contra fumantes, pelo contrario, tenho muitos amigos que fumam. Mas, convenhamos, se você não é fumante é no mínimo desconfortável o odor de uma pessoa que acabou de fumar um cigarro e que vai ficar dentro dos mesmos dois metros quadrados que você por quase 5 horas.

Item 2 - TV = OK. O "tio" tinha uma TV portátil e ele ficou assistindo algum programa no estilo "Domingão do Faustão" da TV italiana em um volume no mínimo pouco educado.

Item 3 - comida = OK. Como todo bom Europeu, o "tio" trouxe um lanche. Eu não sei bem que tipo de sanduíche (iche iche) era aquilo, mas o cheiro também não era de dar agua na boca (tiro no pé... eu também levei um lanche ;-) )

Item 4 - lambança = OK. Claro que apenas comer não foi suficiente. Enquanto ele comia, pingava molho no chão e os farelos do pão se espalhavam como pólen em dia de vento na primavera.

Item 5 - dormir = OK. Depois de ter brigado com a esposa, fumado um bom cigarro, assistido TV, feito um lanche e sujado a metade da cabine, a opção era dormir (óbvio).

Item 6 - beber = OK. So' faltava isso... pois bem, ele conseguiu. O "tio" foi procurar o vendedor em outro vagão e voltou com uma cerveja na mão.

Finalmente chegamos em Milão. Ahhhh Milão, a cidade onde você mesmo estando bem vestido (o que não era o meu caso) faz com que você se sinta como um mal-trapilho. Tudo é chique la', até a menina que estava varrendo a calçada na frente de uma lojinha era elegante.

Ao chegarmos vimos que teríamos um tempinho pra comer e ir no banheiro. Dentre as necessidades fisiológicas com maior prioridade, fazer um pit-stop antes de comer falou mais alto. Mármores e granitos nos conduziram por corredores iluminados e novos até a porta do banheiro. Tudo parecia perfeito e era bom demais pra ser verdade. Claro que não era. Tudo aquilo tinha um preço: 1€ pra entrar no banheiro. Ta', 1€ não é uma montanha de dinheiro, mas poxa... mesmo na França vai ser difícil você encontrar lugares que cobrem mais de 0,40 €. Como eu não tinha muita opção, paguei!

Na sequência fomos em busca de uma alimentação saudável. Acabamos parando no McDonalds mesmo! (#fail) Como de costume, a fila que eu peguei era a mais lenta e, obviamente, o moleque que estava atendendo ainda estava em fase de treinamento. Claro que não poderia ser apenas a demora pra perturbar a minha serenidade. Na hora de fazer o pedido ele se atrapalhou e esqueceu de colocar canudo e guardanapo (não... la' não tinha um local para pegar essas coisas, são os caixas que fornecem isso).

Voltamos para a estação, comemos e deixamos para traz o mundo da moda e de banheiros que custam 1 € para entrar. O destinho agora era Veneza.

4 comentários:

Desabafando disse...

kkkkkkk....adoro quando vc viaja, pq nos seus relatos me sinto viajando junto....kkkkkkk

Que tiozinho nojento esse hein? Sujar toda a cabine....gente folgada, mas os italianos são falantes e folgados pelo que pude perceber viajando.

Ah, só devo te dizer uma coisa...em Paris eu paguei 1 euro (não sei fazer o símbolo aqui do euro...rsrsrs...) pra ir ao banheiro, perto do Forum Les halles, mas tb era super chique e limpo. rsrsrs....

tem continuação né? rsrsr...

Arthurius Maximus disse...

o negócio é, antes de viajar, tomar um banho de descarrego meu camarada. (rs)

Fiquei imaginando o velho jogando migalhas e gotas de molho por toda parte e depois roncando como um porco. faltou a posição dele na cabine para formar a imagem dele caindo em seus ombros e babando. (rs)

Luciana Klopper disse...

KKKKKKKKKKK... suas viagens são aventuras...rsrsrsrsr
Que nojo dessa figuraça

disse...

Atoro suas viagens UHAUAHAUH

Ai, vai ter historinha sobre Veneza?
Se sim, seja cuidadoso ao descrevê-la, tenho verdadeira paixão por lá. E vontade de ir.
(E irei no proximo ano!) *_*